MENSAGENS

Dra. Luciana Rodrigues Silva

Dra. Luciana Rodrigues Silva

Presidente da Sociedade Brasileira de Pediatria

Caros Colegas,

A Sociedade Brasileira de Pediatria sente-se muito honrada de realizar o 20º Congresso de Infectologia no período de 14 a 17 de novembro de 2018 em Salvador. O programa foi construído com detalhe e feito com os últimos avanços dos conhecimentos nesta área.

Sugerimos que aproveitem muito o conteúdo científico, as belezas da terra baiana e o congraçamento com seus colegas.

Um abraço grande

Dra. Luciana Rodrigues Silva
Presidente da Sociedade Brasileira de Pediatria

Dra. Lêda Lúcia Moraes Ferreira

Dra. Lêda Lúcia Moraes Ferreira

Presidente do 20º Congresso Brasileiro de Infectologia Pediátrica

Caros Colegas,

É com grande alegria que convido vocês a participarem do 20º Congresso Brasileiro de Infectologia Pediátrica a ser realizado entre 14 e 17 de novembro de 2018, em Salvador.

Em pleno século XXI, muitos problemas nos desafiam e, mesmo com tantos avanços, ainda enfrentamos o retorno de diversas doenças infecciosas tanto na população pediátrica como em adolescentes e adultos jovens. Um desses problemas está relacionado à Sífilis, que tem crescido exponencialmente nos últimos anos no Brasil e no mundo.

Além da epidemia de Sífilis, doenças imunopreveníveis como a caxumba, sarampo, e Febre Amarela voltam a nos preocupar.
Outro desafio a enfrentar em termos de saúde pública são as arboviroses, devido à dimensão que estas doenças tiveram no país com as epidemias de dengue, Zika e Chikungunya, especialmente no Nordeste brasileiro.

As Infecções Relacionadas à Assistência em Saúde se apresentam como um dos principais problemas nos mais diversos serviços hospitalares, com aumento crescente na população neonatal e pediátrica. Portanto a prevenção à resistência bacteriana e o uso racional de antimicrobianos se faz necessário ao pediatra.

Discutiremos temas relevantes do nosso cenário, como o desafio da tuberculose na criança, a prevenção e tratamento das diversas doenças infectocontagiosas, as mudanças no calendário vacinal, o novo protocolo clínico e diretrizes terapêuticas para manejo da criança e adolescente infectado pelo HIV. Destaco o crescimento do número de migrantes em nosso país, e a oportunidade da discussão e atualização da medicina do viajante e migrante.

Diante deste painel, convido vocês a essa troca de experiências, nesta terra calorosa cujo povo exala boas energias e discussões.

Um axé especial para vocês,

Dra. Lêda Lúcia Moraes Ferreira
Presidente do 20º Congresso Brasileiro de Infectologia Pediátrica

\

Secretaria Executiva:

eventus@eventussystem.com.br

71 2104 3477